Cálculo de escada: aprenda a medir de forma precisa

Calculo de escada aprenda a medir de forma precisa

O cálculo de escada pode ser um dos grandes desafios de um arquiteto em um projeto arquitetônico. Porém, existe uma fórmula que ajuda nessa etapa da obra e com o uso do Revit, essa missão fica mais simplificada.

Como fazer cálculo de escada?

Seja para uma escada de concreto, metal, madeira ou outros tipos de piso, o cálculo da escada deve atender a alguns requisitos para que essa ação de subir ou descer as escadas seja a mais confortável possível para uma pessoa.
Para isso, é preciso realizar alguns cálculos que vão envolver tamanhos de espelho, piso, patamar e outros elementos que compõem a escada.

Vamos definir esses elementos:

Piso ou degrau: é a estrutura horizontal onde as pessoas pisam para subir ou descer a escada.

Espelho: é a superfície vertical que fica entre um degrau e outro.

De acordo com o projeto desse espaço de circulação vertical também podem existir outros elementos, como:

Patamar: é uma superfície horizontal um pouco mais extensa que os degraus, serve como um descanso quando a escada é muito alta. Esse elemento nem sempre vai existir nas escadas.

Corrimão: é um elemento que serve para que as pessoas apoiem as mãos ao subir ou descer uma escada.

Guarda-corpo: é um elemento vertical ao longo de  uma escada que serve para evitar que as pessoas que passam pelo local caiam.

Como calcular escada: fórmula de Blondel e ABNT

Para fazer o cálculo de escadas, a primeira ferramenta a ser utilizada é a fórmula de Blondel, porém, também é preciso seguir normas de segurança e acessibilidade da ABNT para incluir nos cálculos.

O autor da fórmula, Nicolas François Blondel, observou que o passo de uma pessoa caminhando normalmente varia entre 63  a 64 cm, mas ao subir a escada, esse ritmo diminui de acordo com o altura do degrau. Foi padronizado que o correto a manter é 64 cm.

Para encontrar as medidas ideais de uma escada confortável, ele desenvolveu uma fórmula que é o valor da altura de 2 degraus, mais o valor da largura de 1 degrau.

Chegou na fórmula: 2E + P = +/- 64cm.

Essa fórmula se transformou em uma calculadora de escada muito eficiente, com isso, ele avaliou que, para uma escada ter uma subida segura e confortável, é necessário que o passo da pessoa se aproxime do normal na caminhada horizontal.

Essas medidas vão evitar a sensação de que a subida de uma escada é muito difícil ou a descida pareça muito perigosa.

Pelos cálculos, ele também mostra como calcular degraus de escada. Segundo as análises de Blondel, os degraus devem ter, no mínimo, 25 cm. Mas é preciso alertar, que as medidas dos nossos órgãos reguladores padronizaram que o degrau ou piso devam ter de 28 cm a 32 cm.

Cálculo: escada deve ter que tamanho de espelho?

Vamos exemplificar aqui o cálculo do Espelho. Se uma escada terá um degrau = 28 a 32 cm (mínimo exigido pelas normas), qual  deve ser a altura do espelho? Para calcular, basta que o número oficial seja incluído. Vamos trabalhar aqui com 28cm.

2E + 28 = 64

2E = 64 – 28

2E = 36

E = 18 cm

Ou seja, o espelho (E) da escada será de 18cm. As medidas padrões colocam o tamanho dos espelhos com uma variação de 16cm a 18cm.

Cálculo do quantitativo de pisos e espelhos

Para calcular quantos espelhos e degraus devem ter esse espaço de circulação vertical, vamos precisar da altura de um pavimento a outro.

Vamos usar o exemplo de uma casa que tenha 306 cm de um pavimento a outro.

Espelhos

Num. E = H/E

Num. E = 306/18

Num. E = 17

Ou seja, a escada terá 17 espelhos de 18cm de altura cada.

onde:

Num. E = número de espelhos

H = Altura do 1 pavimento ao 2 pavimento.

E = espelho

E como calcular degraus de uma escada? Para fazer esse cálculo, é preciso utilizar o número de espelhos menos 1.

Pisos

Se o número de espelhos da escada que está sendo calculada é 17,  veja como calcular no número de degraus:

Num. P = Num. E – 1

Num. P = 17 – 1

Num. P = 16

A escada deve ter 16 pisos (degraus) de 28cm de comprimento.

Como fazer cálculo de escada: largura

De acordo com o uso e regras normativas, a largura mínima é de 80 cm para residências de apenas uma família, já para edifícios públicos ou prédios residenciais e considerando a quantidade de fluxo de pessoas, a metragem mínima é 1,20 m.

Cálculo de escadas com patamar

O ideal é que a cada 15 degraus exista um patamar que vai garantir mais descanso, especialmente para quem está subindo. 

A recomendação é que cada patamar seja equivalente ao tamanho de 3 pisos (degraus).

Como calcular uma escada no Revit?

No Revit, a Família de Sistema Escada vai permitir o cálculo automático de escadas  para criar diversas tipologias conforme sua necessidade utilizando também Blondel e ABNT. Podem ser o cálculo de escada em U ou cálculo de escada caracol , entre muitos outros desenhos.

Para isso, é preciso ir até a aleta Arquitetura, e na sequência, no Painel de Circulação, onde será encontrado o comando Escada.

Para fazer esse cálculo de escada é preciso incluir as medidas padrões. É preciso clicar em Editar Tipo, entrar nas propriedades e clicar no botão Duplicar. Lá, poderá ser nomeado o elemento no projeto arquitetônico.

Depois de dar o ok, volta-se às propriedades e as configurações devem ser incluídas para que a escada seja calculada no comando Regras de Cálculo. A partir desse comando, vamos chegar ao Calculador de Escadas.

Área do Aluno

Selecione uma opção abaixo