Inclinação de telhado: passo a passo para calcular com eficiência

Inclinacao de telhado passo a passo para calcular com eficiencia

O projeto arquitetônico é composto por várias etapas, uma delas é o cálculo de inclinação de telhado, que é uma parte importante na obra.

Aprenda, nesse post, como calcular a inclinação de um telhado para criar uma cobertura bonita e segura.

Como calcular inclinação de telhado?

Muitas obras chamam a atenção pelos telhados diferenciados, cheios de angulações e telhas requintadas. No entanto, essa parte do projeto não deve ser restrita à beleza, porque tem uma grande funcionalidade.

Ter a inclinação correta do telhado vai evitar muitas dores de cabeça para os seus clientes após a obra estar pronta.

Podemos dizer que um telhado com a inclinação correta, com telhas bem encaixadas, terá um conforto térmico maior e até ser mais seguro nas questões climáticas, caso ocorram fenômenos como ventanias muito fortes.

Além disso,  um cálculo errado de inclinação de telhado também provocar vazamentos, goteiras e até umidade no interior da edificação.

Com o tempo, esse erro de cálculo poderá gerar até problemas de saúde para as pessoas que conviverem dentro daquele ambiente.

Chegar a esse cálculo vai depender de alguns fatores, como saber os desejos e necessidades dos clientes em relação ao desenho que envolve os tipos de telhados e inclinações, e até mesmo o modelo da telha. Por meio do cálculo da inclinação do telhado, é possível também saber a altura da cumeeira.

Então, o primeiro passo é ter essas informações básicas que serão importantes para inclinação do telhado: tipos de telhas, tamanhos, unidades e inclinação do modelo da telha, água, cumeeira, etc.

Vamos especificar melhor:

Tipos de telhas

Na inclinação do telhado, os tipos de telha vão fazer toda a diferença. Podem ser de materiais como cerâmica, fibrocimento, concreto, galvanizadas, metálicas, policarbonato, vidro ou ecológicas (por exemplo, fibras naturais). 

Dentro desses tipos, também há subdivisões, como no caso das telhas de cerâmica, que podem ser: Romana, Portuguesa, Americana, Francesa, Colonial ou Italiana. Cada uma delas terá um desenho diferente.

A telha de fibrocimento também tem tipos variados, como: Tropical, Modulada, Vogatex, Etermax ou Canalete.

Tamanho da telha

Quanto maior for a telha, menor será a inclinação do telhado e vice-versa. O objetivo de calcular essa inclinação é estipular qual será a altura final da cumeeira do telhado.

Tipos de telhas e suas inclinações  

É importante saber que o tipo de telha vai determinar a inclinação do telhado.

Cada telha vai ter a sua inclinação própria que, em geral,  fica em um percentual de 10% a 30% na tabela de inclinação de telhado. 

A inclinação da telha de cerâmica, por exemplo, é 30%, mas pode variar de acordo com o tipo, por exemplo, a francesa tem um percentual levemente maior, fica por volta de 32% e 40%. Já as telhas de fibrocimento têm uma inclinação mínima de 9%.

Unidade de cálculo

Seja para inclinação de telha de barro, inclinação de telha metálica ou inclinação de telha de fibrocimento, o interessante é que o projetista adote uma unidade de medida e siga com ela. Por exemplo, se vai calcular em centímetros, adote essa unidade do começo ao final dos cálculos. Confundir essas unidades poderá gerar um cálculo muito errado em sua tabela de inclinação de telhado.

Água ou vertentes

São quantas direções têm um telhado ou as superfícies inclinadas do telhado, que fazem o escoamento apropriado das águas da chuva. Em projetos mais elaborados de uma obra comercial ou residencial, o telhado poderá ter várias águas, formando um desenho bonito e harmônico entre elas.

Cumeeira

É o ponto mais alto do telhado, que vai dividir as águas e direcioná-las para os pontos de escoamento. Costuma ter um telha própria, com revestimento diferente do telhado como um todo.

Inclinacao de telhado passo a passo para calcular com eficiencia

Como calcular a porcentagem de inclinação do telhado?

O segundo passo para calcular é saber que quando o percentual de inclinação é determinado, devemos saber que para cada valor em metros na horizontal, o telhado vai avançar um percentual na vertical. Vale saber que a inclinação deverá ser calculada sempre em percentual e não em ângulos.

Por exemplo, para um telhado de inclinação de 10%, que equivale a 10 dividido por 100, a cada 100 cm ou 1 metro na horizontal, o telhado irá ter 10% na vertical.

Essa inclinação é informada pelo fabricante da telha.

Cálculo da cumeeira

Vamos entender como calcular a cumeeira de um telhado com duas águas, com as dimensões seguintes:

  • Largura total do telhado: 10 metros
  • Inclinação de 30% (informado pelo fabricante)

Se o telhado tem duas águas, isso significa que a cumeeira sempre estará no meio do total da metragem. Neste caso acima, estará nos 5 metros.

Inclinação

Se o telhado tem inclinação de 30% (30 dividido por 100 que equivale a 30 centímetros de altura para cada 1 metro de largura), a cada 5 metros temos 1,50m ou 150 cm de altura.

Esse exemplo de cálculo poderia ser realizado, por exemplo, para os vários tipos de telha de cerâmica, inclusive para a inclinação de telhado colonial. Se fosse um telha modelo francesa, bastaria trocar o percentual de 30% pelo que está descrito no modelo.

Mas vamos entender agora como seria em uma inclinação de telha de fibrocimento. Vamos adotar o percentual de uma telha de fibrocimento: 10%. 

O cálculo é o mesmo:

Pelos cálculos acima, já sabemos que a cada 1 metro na largura,  vamos ter 10 cm na altura.

Então para um telhado com tamanho total de 10 metros, de duas águas, teríamos 100 centímetros ou 1 metro de altura a cada 5 metros de largura.

Como calcular grau de inclinação de telhado já pronto?

No caso das reformas, muitos vezes as telhas precisam ser trocadas, e o cliente exige um tipo de diferente de telha.

Neste caso, calcular inclinação de telhado deverá envolver a divisão da altura do telhado pelo comprimento.

O resultado desse cálculo poderá determinar o tipo de telha que precisará ser utilizada na reforma, porque o modelo já terá a inclinação informada.

Para quem quiser facilitar todo esse processo, o software Revit, que é baseado em BIM, poderá realizar esses cálculos com grande precisão para dar mais segurança ao profissional.

E aqui já fica uma dica que ter conhecimento em Revit é um grande diferencial de mercado para os profissionais do setor, porque os projetos baseados em modelagem tridimensional estão ganhando grande visibilidade no país. Logo, quem não tiver essa certificação poderá ficar obsoleto na área.

Se já despertou seu interesse, o conselho é fazer um curso Master em Revit, para ficar totalmente atualizado dentro da cadeia construtiva.

Área do Aluno

Selecione uma opção abaixo